Reflorestamento: o que você precisa saber

reflorestamento é a técnica de formar novas florestas em áreas que já tiveram florestas e, por algum motivo, como a ação do homem ou fenômenos naturais, não possuem mais.

Em outras palavras:

reflorestamento é a atividade de formar uma nova floresta em uma área em que foi desmatada.

O reflorestamento é realizado em áreas degradadas, que não possuem mais capacidade de regeneração natural da vegetação nativa, ou na implantação de florestas comerciais em áreas onde antes havia florestas nativas.

Neste sentido, o Brasil é um país de extensão continental, mundialmente reconhecido pelas suas áreas de florestas, em especial, a Floresta Amazônica.

No entanto, em função da acentuada degradação ambiental e do desmatamento, algumas áreas de florestas não possuem mais a habilidade para se restabelecerem naturalmente.

Desta forma, o reflorestamento se torna uma opção bastante relevante para a recuperação da floreta nativa.

Atualmente, as principais formas de degradação das florestas são:

  • Desmatamento, para venda de madeira;
  • Expansão de áreas agrícolas e de pecuária;
  • Queimadas, intencionais ou não; e
  • Erosão do solo, principalmente em estágios mais avançados.

Podemos dizer então que:

O reflorestamento é uma intervenção ambiental com o objetivo de restabelecer a vegetação arbórea, por meio da introdução de espécies nativas ou exóticas. O reflorestamento ocorre como uma complementação a um sistema florestal degradado, ou ainda estabelecendo novos plantios em áreas completamente desmatadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *